Polícia

Quadrilha de golpistas que agia na região é presa pela GCM em Mogi Guaçu

Os bandidos haviam subtraído mais de R$ 20 de uma vítima

As equipes da Guarda Civil Municipal prenderam nesta quinta (15) um grupo de estelionatários que aplicavam golpe do bilhete premiado na região. Na ocasião, o grupo fez uma vítima em Espírito Santo do Pinhal, que repassou aos golpistas mais de 20 mil reais.

Com a informação de que os criminosos estariam trafegando sentido a Mogi Guaçu e sob coordenação do Inspetor Laércio, as equipes visualizaram o veículo e iniciaram acompanhamento, abordando o grupo na região do Posto Rio Guaçu.

R$ 8 mil em dinheiro foram localizados com os golpistas e eles confessaram que, além do dinheiro, a vítima fez uma transferência de 13 mil reais, à pedido deles. Ocorrência apresentada e elaborada na Central de Polícia Judiciária de Mogi Guaçu, os bandidos são das cidade de Sumaré, Hortolândia e Nova Odessa, sendo um homens e três mulheres.

“É preciso reforçar a orientação sobre um golpe antigo, mas que ainda produz vítimas, iludidas pela facilidade em ganhar dinheiro. Principalmente em um momento onde as pessoas estão fragilizadas pelos impactos da pandemia, os aproveitadores agem sob essa vulnerabilidade e acabam obtendo sucesso no crime. Sob qualquer suspeita de estar sendo enganado, recue, encerre a conversa e passe as informações para que as forças de segurança possam averiguar”, informou o Secretário de Segurança GCM Paulo.

Veja abaixo um vídeo publicado pelo GCM Inspetor Laercio no momento da prisão dos bandidos golpistas.

Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.