CidadePolítica

Prefeito anuncia a construção de 2 pontes, duplicação de avenida e criação de corredor de ônibus

A Prefeitura assinou na noite desta quinta-feira, dia 28, contrato de R$ 29,5 milhões, com a Caixa Econômica Federal, do programa Pró-Transporte, com aval do Ministério das Cidades. O recurso será suficiente para a construção de duas pontes sobre o rio Mogi Guaçu, duplicação de avenida, recapeamento e criação de corredor de ônibus.

O ato de assinatura foi realizado no Teatro Tupec do Centro Cultural de Mogi Guaçu, com a presença de representantes da Caixa Econômica Federal, como o superintendente José Luiz Pavanelli, o gerente regional Marcelo Ribeiro da Silva e o gerente de Governo da Caixa, Márcio Capato.

O prefeito Walter Caveanha e o vice-prefeito Daniel Rossi reuniram secretários municipais, autoridades do município, vereadores, além do deputado federal José Augusto Rosa, o Capitão Augusto, e o deputado estadual Barros Munhoz.

A Caixa está disponibilizando R$ 28,1 milhões, com R$ 1,4 milhão de contrapartida do Município. O contrato foi assinado nesta quinta-feira e colocará à disposição da Prefeitura o recurso para que sejam iniciadas as licitações para o início das obras.

O recurso aprovado pelo Ministério das Cidades é destinado exclusivamente para obras viárias, ou seja, não pode ter outra destinação que não seja para a execução de projetos para a mobilidade urbana.

Está prevista a construção de duas pontes sobre o rio Mogi Guaçu, uma ao lado da Ponte de Ferro, garantindo, assim, celeridade no trânsito da Avenida dos Trabalhadores, e outra na Avenida Brasil, que também será duplicada e servirá alternativa para motoristas evitarem o Centro.

Trecho da Avenida dos Trabalhadores será recapeado e a Prefeitura executará a primeira fase do projeto de construção da Avenida Alíbio Caveanha, entre o Cemitério do Jardim Novo até a SP-342, rodovia que liga Mogi Guaçu a Espírito Santo do Pinhal. Essas obras terão ciclovias, sinalização, iluminação e corredor de ônibus.

Com recursos próprios, a Prefeitura deve executar a segunda fase da Avenida Alíbio Caveanha, a partir da SP-342 até o Ypê Amarelo, criando um corredor que cortará toda a cidade pelas avenidas Alíbio Caveanha, Trabalhadores e Mogi Mirim.

HISTÓRICO
O projeto de mobilidade urbana foi iniciado em 2013, pelo atual governo, e contou com vários desdobramentos e envolvimento direto de parlamentares, como Munhoz e o Capitão Augusto. O desfecho veio no final do ano passado, com a confirmação que o projeto da Prefeitura de Mogi Guaçu havia sido aprovado.

O prefeito Walter Caveanha agradeceu o empenho de toda a sua equipe, sobretudo a gestão que conferiu ao Município condições de alcançar mais de R$ 61 milhões de investimentos nos últimos quatro meses – somando o projeto de mobilidade urbana, os R$ 23,5 milhões aplicados em saneamento e R$ 10 milhões do Finisa para a reconstrução da Avenida Nico Lanzi, compra de 4 caminhões de lixo, construção de prédio para a Faculdade Municipal “Professor Franco Montoro” e o geoprocessamento.

“Assumimos uma Prefeitura, em 2013, com R$ 43 milhões de déficit e R$ 127 milhões de dívida. Tivemos que promover um trabalho exaustivo para reconquistar a confiança, porque a cidade não tinha crédito para nada. Estamos investindo estes recursos pensando no futuro dos cidadãos guaçuanos”, disse o prefeito.

Mostrar mais

Artigos relacionados

2 Comentários

  1. É brincadeira né, não precisamos de uma ponte ao lado da ponte vermelha, precisamos de uma ponte lá entre a estrada da cachoeira e o Limoeiro, precisamos desafogar o fluxo de veículos do centro da cidade, de que adianta uma faculdade de medicina se a cidade não suporta a frota de veículos que já tem? Não precisamos também de um corredor de ônibus, precisamos de um viaduto lá no cruzamento entre a avenida Mogi Mirim com a Padre Jaime. Estão fazendo tudo errado.

  2. Já passou da hora de um semáforo na rotatória onde ficava a Viação Santa Cruz / Mogi Guaçu, sincronizado com o já existente no Big Bom Cidade Nova. Eu acho que em menos de um ano os carros vão começar a “travar” a rodovia SP 342 naquela alça de acesso. Cada dia o número de carros aumenta naquela rotatória.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios