Cidade

Mogi Guaçu registra mais de 1800 casos de dengue desde janeiro

Segundo relatório semanal emitido pela Vigilância Epidemiológica nesta sexta-feira, dia 31, Mogi Guaçu registra, desde janeiro, 1.809 casos confirmados de dengue. De um total de 3.968 notificações, 127 ainda aguardam resultado de exame e os demais deram negativo para a doença.

A região com maior número de casos positivos é a Área 5, que abrange parte das zonas Leste e Norte e é referenciada pelas Unidades de Saúde dos bairros Fantinato I e II, Santa Terezinha, Santa Cecília, Zaniboni I e II, Súecia e Chaparral, com 753 ocorrências nestes cinco primeiros meses do ano.

A Área 101, que compreende a zona rural, referenciada pelas Unidades de Saúde do Distrito de Martinho Prado Júnior e Chácaras Alvorada, e inclui comunidades mais próximas do perímetro urbano, como as Chácaras Santa Felicidade, é a que registra menos casos, com 24 confirmações até agora.

A Área 1 (Zona Sul e Guaçu Mirim) registra 261 casos, a Área 2 (Centro de Saúde e Hermínio Bueno), 269, a Área 3 (Centro-Oeste e Centenário), 184, e a Área 4 (Zona Norte, Ypê II e Ypê Pinheiro), 317. Dos 1.809 casos positivos, apenas um, da Área 1, é importado. Os demais são autóctones, infectados no território do Município.

Para evitar que se repita a epidemia ocorrida em 2015, a Secretaria de Saúde mantém ativa a campanha de prevenção e combate ao mosquito Aedes aegypti deflagrada no dia 1º de fevereiro, depois que janeiro terminou com 17 casos confirmados, ante apenas 14 do ano passado inteiro.

Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios