Cidade

Equipes da prefeitura combatem o mosquito Aedes Aegypti na zona norte nesta quinta

De acordo com o relatório semanal da Vigilância Epidemiológico emitido nesta quinta-feira, dia 21, o número de casos confirmados de dengue em Mogi Guaçu subiu para 84.

De um total de 276 notificações este ano, 60 aguardam os resultados dos exames e o restante deu negativo para a doença.

O relatório anterior registrava 60 casos positivos e 44 aguardando laudo, dentre 200 notificações.

 A Equipe de Controle de Dengue mantém ações de prevenção e combate ao Aedes aegypti.

As ações preventivas consistem de visitas domiciliares por agentes de saúde em busca ativa por possíveis criadouros de larvas.

Em outra frente, cinco equipes aplicam inseticida através de equipamento nebulizador nas residências e estabelecimentos nos bairros.

Nesta quinta-feira, 21, foi feito nebulização na Vila Leila e adjacências, na zona Norte. Esta semana receberam nebulização o Jardim Igaçaba e parte do Parque Cidade Nova.

Na região central a nebulização foi realizada no primeiro final de semana de mês com atomizador acoplado a veículo.

Nos dias seguintes, a operação foi realizada com nebulizador costal nas regiões do Jardim Hermínio Bueno e Novo Horizonte, na zona Leste.

A Secretaria de Saúde lançou a Campanha de Prevenção à Dengue no dia 1º deste mês, depois que janeiro registrou 17 casos positivos, ante 14 do ano passado inteiro. Em 2016, foram confirmados 128, em 2017, 23.

O principal objetivo da campanha é evitar que se repita a epidemia de 2015, quando Mogi Guaçu registrou mais de 15 mil casos positivos. Para isso, é imprescindível que a população colabore evitando manter possíveis criadouros.

A nebulização de inseticida é eficaz apenas contra o Aedes aegypti em sua forma alada, mas não sua forma larval, daí a importância de eliminar recipientes que acumulem água limpa e parada.

Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios