Cidade

Construção das novas pontes continua avançando

Avenidas Brasil e Trabalhadores

A construção das pontes nas Avenidas Brasil e dos Trabalhadores segue o cronograma estabelecido pela Secretaria de Obras e Mobilidade (SOM). As obras foram retomadas em junho do ano passado e são acompanhadas de perto pelos técnicos da pasta. A ponte da Avenida Brasil difere da Avenida dos Trabalhadores, porque terá pilares de sustentação no Rio Mogi Guaçu. Já a ponte da Trabalhadores será feita no método balanço sucessivo.

O engenheiro da SOM, Marcos Paulo Bueno, informou que as obras da ponte na Avenida Brasil estão mais avançadas, pois foram iniciadas primeiro. A empresa responsável pelas obras está atuando na instalação das vigas que vão transpor o rio. Já na ponte da Avenida dos Trabalhadores, os operários estão construindo os tubulões– tipo de fundação profunda composta por segmentos de seção circular –.

“Nós temos feito esse acompanhamento diário das obras, especialmente as das duas pontes. A construção da Brasil está indo muito bem, assim como a da Trabalhadores. O que pode alterar o cronograma é esse tempo instável”, comentou o engenheiro.

Segundo ele, a Secretaria de Obras e Mobilidade já tem pronto o projeto que prevê mudanças no sistema de trânsito na região central. “Uma licitação será aberta para podermos colocar em prática esse novo sistema viário nas proximidades das pontes da Avenida dos Trabalhadores”.

Está prevista a instalação de sistema semafórico, novo acesso pelo Parque dos Ingás e alterações nas rotatórias em frente ao Centro de Saúde e na que dá acesso a Vila Paraíso. Para algumas destas alterações, contudo, será preciso realizar processo licitatório, porque são serviços não englobados nos recursos para construção da ponte.

A nova ponte servirá ao tráfego de veículos no sentido bairro/centro, enquanto a antiga ficará no sentido centro/bairro. Para isso, a pista da nova ponte será ligada à Avenida dos Trabalhadores. Depois da conclusão da obra, o projeto prevê sinalização semafórica no cruzamento da Avenida dos Trabalhadores com as Ruas São José e Rua dos Operários.

As pontes são executadas por meio de financiamento do município junto à Caixa Econômica Federal dentro do pacote de R$ 29 milhões para obras de mobilidade urbana. Deste total, R$ 14,5 milhões são destinados para as pontes.

Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.