Geral

Doria pode colocar o Estado de São Paulo na “Fase Vermelha” a partir desta semana

Campinas, Mogi das Cruzes e outras cidades já estão nesta fase

O governador João Doria (PSDB) deve anunciar nesta quarta-feira (3) mais regiões do estado que vão para a fase vermelha, com possibilidade até de rebaixar todo o Estado para essa etapa mais restritiva do Plano São Paulo. O anúncio será feito em coletiva de imprensa a partir das 12h45, no Palácio dos Bandeirantes.

A decisão vem após o Estado bater recorde de 468 mortes em 24h por Covid-19. Além disso, São Paulo também atingiu o maior número de internações: 16.359 pacientes, sendo 9.332 na enfermaria e 7.027 em Unidades de Terapia Intensiva (UTI).

Campinas

Campinas (SP) decretou a adoção da fase vermelha, a mais restritiva do Plano SP, a partir desta quarta-feira (3) até o dia 16 de março. Nesse período, poderão funcionar com atendimento presencial apenas serviços considerados essenciais. A medida foi anunciada pelo prefeito Dário Saadi (Republicanos), que tratou a situação como de “quase de colapso”.

Mogi das Cruzes

A partir da meia-noite desta quarta-feira (2), Mogi das Cruzes passou para a fase vermelha e os moradores vão precisar seguir regras mais rígidas para combater a disseminação do vírus chinês. A ocupação dos leitos públicos de UTI e enfermaria chegou a 100% e, segundo o secretário municipal de Saúde, Henrique Naufel, a cidade beira o colapso.

Mundo

O número de novas infecções pelo vírus chinês aumentou globalmente na semana passada pela primeira vez em sete semanas, de acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS). Os casos subiram em quatro das seis regiões da OMS: Américas, Europa, Sudeste Asiático e Mediterrâneo Oriental.

Mogi Guaçu

Apesar do Prefeito Rodrigo Falsetti a principio divulgar que por determinação da Saúde colocaria Mogi Guaçu em “lockdown” nesta terça (02) até domingo (07), voltou atrás e afrouxou as medidas, colocando Mogi Guaçu em uma espécie de “Fase Vermelha” do Plano São Paulo, permitindo assim o funcionamento ainda restritivo para supermercados, lotéricas, farmácias, agropecuárias e clínicas, com horário reduzido e diminuição no número de pessoas dentro deste estabelecimentos.

Agora é aguardar o Decreto do Governo do Estado, onde afetará Mogi Guaçu, podendo ter mudanças no Decreto Municipal.

Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.