.
CidadeCotidianoGeral

Tarifa do transporte coletivo passa a ser R$ 4,80

O aumento passa a vigorar nesta sexta, dia 27

Decreto publicado na edição deste sábado (22), no Jornal Tribuna do Guaçu, fixa os novos os valores da tarifa do transporte coletivo urbano. O reajuste passa a vigorar dia 27 de fevereiro e está previsto no contrato com a empresa permissionária do transporte coletivo.

Para quem adquirir créditos eletrônicos para o mínimo de 10 viagens, a tarifa passa a custar R$ 4,50. Quem optar pelo pagamento direto na catraca, a tarifa custará R$ 4,80. Até a publicação deste decreto, a tarifa do transporte coletivo de Mogi Guaçu estava em R$ 4,50 na catraca.

Índices inflacionários foram adotados para fixar a nova tarifa, em respeito ao contrato em vigor. O último reajuste havia sido concedido em 2018. A distinção no valor da tarifa para quem optar pelo pagamento direto na catraca ou na compra antecipada de pelo menos 10 viagens no crédito eletrônico também ocorre em algumas linhas. Na linha Roseira, a tarifa varia de R$ 5,90 na catraca e R$ 5,50 na compra antecipada de crédito. O mesmo ocorre nas linhas da Chácaras Alvoradas e Itaqui. Para Martinho Prado Júnior, a tarifa na catraca custará R$ 6,40, enquanto que com créditos foi fixada em R$ 6,10.

Etiquetas
Mostrar mais

Artigos relacionados

Um Comentário

  1. Como uma cidade de 150.mil habitantes do interior pide ter tarifa de onibus MAIS CARA QUE A CAPITAL???????
    POR ACASO O CUSTO DE MOGIGUACU PRA MANTER 1 EMPRESA UNICA É. MAIS CUSTOSA QUE AS 12 EMPRESAS DE SAO PAULO OU TEM PILANTRAGEM AI?????

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios